Busque no site
Ver mais opções
Conteúdos dos capítulos do livro

Livros   >    Brasil Império

Caxias

919 visualizações    |    0 comentário(s)

Capa do livro Caxias, de Affonso de Carvalho
Informações técnicas

Autor: Affonso de Carvalho
Coleção: Coleção General Benício
Páginas: 301
Editora: Biblioteca do Exército Editora
Ano da edição: 1976
Idioma: Português

Sinopse

O Duque de Caxias (1803-1880) teve muitos biógrafos. Nenhum, porém, o observou tão completa e sentimentalmente como Affonso de Carvalho, que às qualidades de escritor fluente unia os virtudes de primoroso militar, homem portanto à altura do personagem. Merecia mais uma vez reeditado o seu livro. É o que ora empreende a Biblioteca do Exército. E para que a imagem admirável do Patrono supere a dupla conjuração do mito (fora das perspectivas históricas) ou da distorção (além da provada realidade); e exata, na sua grave simplicidade, novamente se exiba ao País, autêntica, viva, integral. Trata-se de apresentá-la, é certo, numa atmosfera de devoção que, para a posteridade, há de ter, queira-se ou não, esse azul do céu helênico, essa majestade serena do horizonte clássico, essa imóvel grandeza dos monumentos eternos que cinge e envolve os mármores da Acrópole. O entusiasmo, neste caso, é um requi-sito. Mais do que um ornamento, é uma condição. Assim ficou o herói na imaginação das gerações. A sua área de ação tem as dimensões de um palco, a luz que o iluminava é do sol da Ilíada, os seus gestos compassam-se pelos ritmos da evolução nacional, absorvem-se da essência divina na predestinação dos grandes feitos, projetam-se amplamente no futuro. Caxias não aumenta ou diminui com a veemência do ad jetivo. Paira sobre a eloqüência. Domina as audácias da interpretação. Adquire a fixidez dos traços, que forma no bronze da estátua a fascinante unidade do chefe. O autor, nesta obra patriótica, não lhe exa-gerou os méritos. Pertencem menos à sua do que à história do Brasil.

Político
Francisco Affonso de Carvalho

Francisco Afonso de Carvalho (1897-1953) foi um militar e político brasileiro. Ocupou o cargo de governador do Estado do Alagoas no período de 10 de janeiro de 1933 a 2 de março de 1934. Exerceu o mandato de deputado federal constituinte por Alagoas em 1946. Afonso de Carvalho foi também poeta, crítico literário e jornalista, tendo colaborado em O Jornal, na Revista da Semana, que fundou e dirigiu, em O Radical e na Nação Armada, todos do Rio de Janeiro. E publicou diversas obras de ficção e não-ficção.

Análise do livro

Esse livro ainda não foi resenhado.

Outros livros sobre Duque de Caxias
Comentários sobre o livro

Cadastre-se ou faça login para comentar

Cadastre-se

Ainda não há comentários nessa página.
Seja o primeiro a comentar.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.