Livros

Informações detalhadas sobre livros de História, além de fotos e resenhas dos livros. Só fazemos a disponibilização do download quando o livro está em domínio público. Não vendemos livros!

Coleção História Ilustrada - Egito Antigo

Livros > Egito Antigo  |  1,9 mil visualizações

Salvar nos favoritos
Capa do livro Coleção História Ilustrada - Egito Antigo, de Paul Johnson
Autor: Paul Johnson
Título original: The Civilization of Ancient Egypt
Coleção: História Ilustrada
Páginas: 463
Editora: Ediouro
Ano da edição: 2010
Idioma: Português
Skoob: Acessar

Sinopse:

O segundo título da Coleção História Ilustrada contempla, de forma didática e ricamente ilustrada, a história completa de uma das civilizações mais importantes de todos os tempos. Além de impressa em cor especial, esta edição ainda conta com boxes explicativos, pesquisa iconográfica rica e atual, belíssimas imagens e ilustrações e glossário, o que o torna uma verdadeira obra de referência sobre o Egito Antigo.


Minhas anotações de leitura

leia no Google Docs

Fotos dessa edição do livro

Veja no Google Fotos

Análise do livro

JOHNSON, Paul. História Ilustrada do Egito Antigo. Rio de Janeiro: Ediouro, 2010.

Essa é um das diversas obras que foram lançadas no Brasil em uma coleção intitulada "História Ilustrada" pela Ediouro. De autoria do jornalista Paul Johnson, essa é uma obra de caráter bastante geral. Mesmo com 409 páginas de texto, ela não se propõe fazer uma análise profunda sobre a civilização egípcia, muito pelo contrário. O texto é raso e o autor passa rapidamente por temas como política, economia, organização social, religião, artes, etc.

A obra até levanta alguns pontos interessantes, mas o problema é a atitude do autor. Ele não problematiza, não propõe teses, não cria hipóteses, apenas narra e descreve.

Mas a obra cumpre seu papel: ser um livro para iniciantes. As obras de jornalistas, no geral, tem como foco justamente esse público. Uma audiência menos exigente e sem um grande conhecimento do tema tratado. Esse público poderá tirar um grande proveito dessa obra.

Os temas discutidos em cada um dos nove capítulos do livro são os seguintes:

  1. Introdução, Unificação do Egito Antigo e primeiras dinastias
  2. Antigo Império, e a cultura e a política
  3. Do 1° Período Intermediário ao fim do Novo Império
  4. A cultura egícia: Comida, bebida, roupas, jóias, comércio, trabalho, mulher egípcia, etc.
  5. A religião, a mitologia, os sacerdotes, a vida após a morte e a mumificação
  6. Hieróglifos, escribas, literatura e música
  7. A arte egípcia
  8. Os anos de decadência - Do fim do Império Novo até a destruição dos templos pelo imperador Justiniano
  9. A visão do mundo sobre os Egípcios antigos: dos historiadores gregos aos arqueólogos do século 20


Achei os quatro últimos capítulos bastante interessantes e bem escritos. E me chamou atenção o capítulo 8, onde o autor apresenta uma narração bastante envolvente do período de decadência do Egito. Johnson destaca especialmente a relação do Egito com a Grécia, e o papel que os colonos gregos tiveram na região à partir do século 7 a.C. A descrição do Egito Ptolomaico e Romano é muito interessante, e me chamou atenção por ser um período sobre o qual eu estava mal informado.

Os pontos negativos da obra

Vamos começar pelo principal: o livro não possui Bibliografia ou qualquer tipo de referência!!! Essa é uma característica imperdoável em uma obra que pretende ser levada a sério. O autor também não costuma citar o trabalho de historiadores, e muitas informações apresentadas no decorrer do livro são precariamente referenciadas. Mas a triste realidade é que, na maior parte das ocasiões, o autor não mostra nenhum preocupação em apresentar qualquer tipo de referência para suas afirmações, por mais extraordinárias que sejam.

Frases do tipo "há um objeto/documento que mostra isso" são comuns. A pergunta que fica no ar é: Qual objeto/documento? Onde ele está? De que período? Qual o contexto dele?

Outro problema é a utilização do recurso da ilustração. Como o próprio nome da obra já diz, esse é um livro fartamente ilustrado. Embora parte das fotos sejam bem referenciadas e identificadas, há muitas fotos que desempenham uma função apenas ilustrativa. Estão atiradas ao longo do livro sem qualquer próposito claro. Enquanto isso há muitos objetos, documentos, monumentos, e lugares citados na obra que não possuem ilustrações.

Isso mostra um grave erro na utilização desse recurso, porque as imagens deveriam servir para enriquecer o conteúdo do texto, e não apenas como decoração para as páginas. Infelizmente esse é um problema comum em quase todas as obras ilustradas de História.

Os capítulos não possuem subtítulos. Dentro de cada capítulo (com cerca de 40 páginas cada) o autor pula de um tema para outro sem qualquer tipo de preâmbulo. O resultado é um texto fluído, mas as vezes confuso e desorganizado.

Um último comentário: Nas páginas finais do livro o autor (um escritor inglês) dedica um bom tempo criticando o líder egípcio Gamal Abdel Nasser (1918-1970), que nacionalizou o canal de Suéz, entrando em choque com os interesses britânicos. Johnson é extremamente crítico com relação a todas as ações levadas a cabo por Nasser mas, estranhamente (ou não), ao longo de toda sua obra, ignora completamente o papel desempenhado pelo imperialismo britânico na região.

Resenha publicada em 06/12/2018.

Foto do membro da equipe: Moacir Führ

Escrita por

Moacir Führ

Moacir tem 34 anos e nasceu em Porto Alegre/RS. É graduado em História pela ULBRA (2008-12) e é o criador e mantenedor do site Apaixonados por História desde 2018.

Paul Johnson

Paul Bede Johnson é um escritor e jornalista britânico. Tornou-se célebre na década de 1950 escrevendo, e mais tarde como editor, na revista New Statesman. Escritor prolífico, é autor de mais de quarenta livros e contribuidor de muitas revistas e jornais.
Além dessa obra, também é autor dos seguintes livros: A História do Cristianismo, Os Intelectuais, Darwin - Retrato de um gênio, História dos judeus, Churchill, Sócrates - Um Homem do Nosso Tempo, Os Heróis, O Renascimento, O Livro de Ouro dos Papas, Napoleão e Tempos Modernos.

Jornalista

Mais livros sobre Egito Antigo

Fiona Macdonald

Com a História na mão: Egípcios Antigos

John Baines e Jaromír Málek

O Mundo Egípcio: Deuses, Templos e Faraós - Vol.2

Charlotte Booth

Guia do Viajante pelo Mundo Antigo: Egito

Joyce Tyldesley

Os Mistérios das Múmias

Fechar

Comentários dos visitantes

Ícone alerta azul

Contribua para um debate inteligente e educado na internet.
Não seja um troll.

Item salvo nos seus favoritos

Nova atualização do site

Pega Title Pega URL