Busque no site
Ver mais opções
Conteúdos dos capítulos do livro

Livros   >    Brasil Império

O escravo nos anúncios de jornais brasileiros do século XIX Tentativa de interpretação antropológica, através de anúncios de jornais brasileiros do século XIX, de característicos de personalidade e de formas de corpo de negros ou mestiços, fugidos ou expostos à venda, como escravos, no Brasil do século passado.

239 visualizações    |    0 comentário(s)

Capa do livro O escravo nos anúncios de jornais brasileiros do século XIX, de Gilberto Freyre
Informações técnicas

Autor: Gilberto Freyre
Coleção: Brasiliana
Páginas: 192
Editora: Companhia Nacional
Primeira publicação: 1963
Ano da edição: 1979
Idioma: Português

Sinopse

Neste livro, Gilberto Freyre reuniu cerca de dez mil anúncios retirados de jornais do século XIX, como Diário de Pernambuco (Recife), Jornal do Commercio (Rio de Janeiro), entre outros. A partir de tais anúncios, ele flagra as relações que se estabeleceram entre os escravos e seus proprietários, desnudando as ocupações que os cativos vindos da África exerciam no Brasil - desde trabalhadores das lavouras de cana-de-açúcar até barbeiros e cozinheiros pessoais de seus proprietários. Além de destacar que os textos vangloriavam os atributos físicos das negras, o autor faz um estudo sobre as marcas nos corpos dos escravos que aparecem nos anúncios. Algumas delas seriam relacionadas à cultura africana a qual pertenciam, mas outras seriam marcas da violência empregada pelos seus senhores. Freyre mostra o quão eram péssimas as condições de saúde da população escrava, revelando que era frequente nos anúncios de escravos fugidos, por exemplo, encontrar indivíduos doentes e com deformidades físicas - 'negros de pernas cambaias', com 'pernas tortas pra dentro', 'zambos' - termos que indicam o excesso de trabalho dos cativos e os maus-tratos que recebiam por parte de seus senhores. 'O escravo nos anúncios de jornais brasileiros do século XIX' traz uma iconografia e conta com o texto de apresentação de Alberto da Costa e Silva.

Sociólogo
Gilberto Freyre

Gilberto Freyre (1900-1987) foi um sociólogo, antropólogo, escritor e pintor brasileiro, considerado um dos mais importantes sociólogos do século 20. Foi o intelectual mais premiado da história do país, laureado com o Prêmio Aspen, honraria que consagra "indivíduos notáveis por contribuições excepcionalmente valiosas para a cultura humana”.

Análise do livro

Esse livro ainda não foi resenhado.

Outros livros sobre Escravidão no Brasil
Comentários sobre o livro

Cadastre-se ou faça login para comentar

Cadastre-se

Ainda não há comentários nessa página.
Seja o primeiro a comentar.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.